9 de junho de 2007

Os primeiros 15 dias

Faz hoje 15 dias que a minha pipoquinha veio dar um beijinho aos papás. Têm sido dias de descoberta, amadurecimento, felicidade, paciência, alguma irritação que passa num instante, enfim uma mistura de sentimentos e emoções que preenchem todas as horas desde que ela nasceu. Quase todos os medos se dissiparam, no 1º dia tive um ataque de pânico, não sabia como pegar nela no hospital, assim que fiquei sozinha fiquei sem saber o que fazer, mas bastou pegar nela a 1ª vez sozinha que nesse momento descobri que nasci para ser MÃE! Estive 3 dias sem dormir, tinha medo de fechar os olhos e perder a minha filha, claro que quando cheguei a casa e finalmente me senti segura tive o que acho que chamam de baby blues, mas passou num instante. A pipoca é um bebé muito sossegado e comilão, mama muito, agora os intervalos das mamadas têm sido mais pequenos e não consigo dormir mais de 2 horas seguidas durante a noite, as enfermeiras no hospital já me diziam que ela já tinha era "mimo" , só quer colinho e maminha. Ontem fomos ao centro de saude pesá-la e para meu conforto a minha princesa engordou e já mede mais 2cm...que linda!!!! Só existe um pormenor que me chateia, não consigo fazê-la arrotar bem, não sei porquê, sigo todas as intruções do "manual do bem arrotar" e muitas vezes nada, depois fico com receio de colocá-la na alcofa e fico em sentido de alerta durante algum tempo.

3 comentários:

Lipa disse...

Que vontade que o teu relato me deu de ter a minha filhota nos meus braços! Apesar das contrariedades normais, levas tudo na positiva e sempre bem disposta. Assim sim.
Relativamente ao arroto...a moça é bem educada e discreta ;)

Liliana disse...

hihi

Olá.. a pipoquinha é bem comportada!! N é necessário eles arrotarem, pelo menos foi a explicação k a pediatra do Rodrigo me deu.. ou seja, depois da mamada andas com ela em pé de um lado para o outro e vais dando palmadinhas nas costas.. se n surtir efeito, deitas a nina de barriga para baixo uns segundos e levantas... se n arrotar é pk a mamada foi mt bem sucedi e k a nina n ingeriu ar.. n tens k preocupar!!!
Espero ter ajudado!!
Jinhos Grandes

Os Papás disse...

Acho que não vale muito a pena estares a dar demasiada atenção ao arroto, já que é uma coisa que surge com a maior naturalidade.

É certo e sabido que umas "porradinhas " nos costados da cria ajudam muito mas, por vezes, o maldito arroto teima em não aparecer.

Como foi dito no comentário da Liliana, é também bom sinal, já que a Inês ingeriu bem e o leite digamos que acamou naturalmente.

Beijinhos da Joaninha e dos papás.