19 de junho de 2008

Amo-te!!!

Mais do que tudo no mundo, amo-te tanto filha e às vezes deves achar que te amo um bocadinho menos por perder um pouco a paciência quando fazes algumas birrinhas de sono na hora de jantar ou algumas enquanto te vestes ou não te dou o que queres.
A mãe não te diz, mas de todas as vezes que fui um bocadinho mais dura contigo, ignorando-te ou simplesmente dizer "Não" e suportar o teu choro inconsolável, fi-lo porque achei que está na hora de te educar e saberes que por vezes temos de fazer coisas que não queremos.
Mas quando como hoje, chateio-me mais um bocadinho e viro-te a cara e desabafo um bocadinho mais alto fico triste comigo, não quero ser uma mãe assim, mas existem dias que nos sentimos mais cansadas e enfim..lá acaba por sair uma palavra menos agradável.


Tenho andado uma pilha de nervos e vocês os dois é que me aturam....

8 comentários:

scas disse...

é... magoamos sempre aqueles que mais amamos, porque temos a certeza que esses nos vão sempre perdoar... momentos assim acontecem. Não há problema, acho, fazem parte da vida, do ser, o importante é que os outros momentos, os BONS compensem esses em número e intensidade! (Gostei de saber que está aberta a possibilidade de um 2.º rebento - quem sabe não teremos uma gravidez em simultâneo??) beijinhos

Mamã Pirata disse...

Acontece a todas nós...logo pegas nela e enche-a de beijos...e durante uns minutos o mundo é só vosso.

bjs.

Liliana disse...

Sim, isso acontece a todas nós... Não os podemos deixar fazer tudo, estão na fase de começar a ser educados, senão depois não temos mãos neles!!

Eu também não gosto de ralhar ao Pilas, mas tem alturas em que é mesmo preciso, senão depois abusam e só fazem o que querem...

Não fiques assim que isto faz tudo parte da educação deles...

Mil beijinhos grandes e um bom fim de semana...

Mamã Marta disse...

Faz parte minha querida. Todas nós fazemos o mesmo e depois sentimos exactamente o mesmo, eu pelo menos falo por mim, e acho que é assim com todas, daquilo que leio.

Por vezes tb é necessário sermos duros e "maus" com eles, pois não lhe podemos fazer as vontades todas... que custa dizer não, custa, tb é verdade, mas é necessário...

Bjokinhas
Marta e Gonçalinho

Mónica disse...

Pois é, isso também me acontece!
Mas acho que é bem altura de eles começarem a perceber o que está certo ou errado.
Assim que podemos, enchemo-los de miminhos bons :)
Bjinhos

Maria Pereira disse...

Não é por dizeremos "não!" aos nossos filhos ou ralharmos com eles que os amamos menos, pelo contrário. Mas às vezes custa-nos muito, mesmo muito mas tem de ser. E a paciência tb n é igual todos os dias, certo? É normal, somos humanas.

Mil beijos e bom fim de semana

scas disse...

parabéns HOJE por 1 ano, 1 mês e 1 dia!!!! beijinhos

Pitufito disse...

Podemos sugerir, para os momentos da birrinha de Sono?:

EM VÁRIOS PONTOS DO PAÍS!
Chegaram a Portugal os novos CDs BABIES GO...

(de MADONNA a ROBBIE WILLIAMS, passando por VIVALDI ou BACH, até ELTON JOHN, STING ou ABBA, ou mesmo AEROSMITH e OASIS, e ainda CARPENTERS ou QUEEN)

Saiba onde, em:
http://www.ouveste.pt


Siga o conselho do Automóvel Clube de Portugal e aposte nos Nossos CDs:
adquira a novidade em Portugal que são as nossas versões de musicas "de adultos", adaptadas para os mais pequenos!

Se, por exemplo, nestas férias vai levar Consigo crianças no carro ou se conhece alguém que o faça, para esses "passageiros infantis", leve música que os sossegue, mas escolhida pelo(a) Condutor(a).

Boas Audições!...