13 de agosto de 2008

O marido, a filha, os animais e as hormonas

Pois tudo junto no mesmo espaço e o resultado às vezes é assim um pouco catastrófico, em 24 horas passam-se coisas tipo, uns berros ao marido, aos gatos que não param de fazer asneiras, aos cães que ladram porque ladram (ainda não aprenderam a falar, ora essa) á filha já são uns berritos mais pequenos pq faz uma birra enorme quando não quer comer e ninguém a demove. Estes momentos de furia intercalam com outros de risos com a pipoca, com beijnhos e brincadeiras, com pedidos de desculpa ao pai ( mas olha marido queres outro rebento, agora aguenta o mau feitio), com festas aos peludos e hoje o Obélix teve direito a um bom banho na banheira de água quentinha ( eu já tive direito a um duche com cheiro canino). E pergunto-me eu, nem sei como me aturam???
Tento não pensar muito nestas minhas crises, porque, sinceramente, á mais de 1 ano que acordo diversas vezes por noite ainda não sei o que é dormir uma noite inteira, trabalho 6 dias por semana, dias cansativos que me têm provocado algumas dores abdominais (sinal que tenho de ter mais calma), uma casa para tentar manter minimamente limpa todos os dias ( o que às vezes é impossivel), o unico dia de folga é para tratar precisamente da casa, o que me provoca sentimentos de culpa, pq a pipoca precisa de atenção.
Logo, EU tenho direito a sentir-me desgastada fisica e mentalmente, aceito que tenho falhas, que tenho defeitos não sou uma SUPER-MÃE-ESPOSA-DONA-DE-CASA E PROFISSIONAL !!!

No outro dias fomos aqui, a pipoca gostou e ficou bem acordada até ás 23h, mal a sentamos no carro, adormeceu. Para o ano temos mais, mas vamos de tarde para a I. aproveitar mais os cavalos, as brincadeiras, a paisagem, eu tb acho que vou gostar mais, já adorei á noite, mas era tanta gente, que mal se podia observar o artesanato das barraquinhas.
E nestes dias tenho descoberto que o melhor dos meus dias é qd a pipoca vem de lábios arrebitados e arrebata-me um grande beijo, linda e eu fico completamente derretida com estas demonstrações de carinho.

Nesta gravidez só me apetece comer porcarias, cachorros, molhos, chocolates, podia dar-me para comer fruta que bem preciso....

Assim que puder passos nos cantinhos, agora vou nanar amiguinhos :)

Ah...Amo-vos muito Paizão e filhota!!!!!!!!!

5 comentários:

Lipa disse...

Não deve ser mesmo nada fácil. Eu também só com um dia de folga por semana (quando é) já me vejo grega. E só tenho um cão e não estou grávida. Imagino tu! Também me encho de remorsos por ter de abdicar do tempo passado com a filhota para poder dar assistência à casa. Tive de por alguém a fazer-me as limpezas, senão era mesmo impossível. O papá diz que é um dinheiro mal gasto, mas eu digo "Aspiras tu? Mudas as camas? Lavas tudo?" e ele fica a pensar e acaba por concordar. Assim sempre sobra mais tempo para brincarmos.
Em relação à fast-food, cuidado. Não é que até não te convenha ganhar uns kilos extra, mas os molhos são um bocado prejudiciais.
(Cada vez que te leio identifico-me imenso).

Maria José disse...

Aí comer porcaria eu também me apeteçe comer e não estou grávida hehehe
come amiga
bjs

Liliana disse...

Acho que todas passámos por isso, porque no fundo cai tudo em cima de nós!!

Mas depois passa tudo quando os nossos rebentos nos fazem sorrir, apesar de por dentro estarmos de rastos!!!

Mil beijinhos grandes e bom fim de semana...

Mónica disse...

Pois, é muita coisa para tratar. É normal que estejas um pouco irritada com tudo. A gravidez e o excesso de trabalho fazem dessas coisas!

Bjinhos e que os próximos dias sejam melhores.

Alexandra e Pedro disse...

As hormonas são mtoooooo tramadas!

És uma super mulher!

beijos
XAna